Onde as aulas foram canceladas em Porto Alegre?

As aulas foram canceladas em Porto Alegre, tanto nas escolas da rede municipal quanto nas estaduais e nas universidades. O motivo é o ciclone extratropical que atinge a região metropolitana nesta quarta-feira (12).

Essa decisão foi motivada pelos alertas da Defesa Civil sobre a possibilidade de inundações e alagamentos devido à chegada de um ciclone extratropical. A medida tem como objetivo garantir a segurança e o bem-estar dos estudantes, professores e demais funcionários das instituições de ensino.

Rota do ciclone no Rio Grande do Sul e em Porto Alegre.

Aulas suspensas na rede estadual do RS

O vice-governador Gabriel Souza foi o responsável por anunciar a decisão do governo estadual através de sua conta no Twitter. Essa suspensão das aulas é válida para a quinta-feira (13), buscando evitar que os alunos e profissionais da educação enfrentem possíveis riscos e dificuldades de locomoção decorrentes das condições climáticas adversas.

Porto Alegre também cancela aulas na rede municipal

Na rede municipal de ensino, a Prefeitura de Porto Alegre também decidiu suspender as aulas, porém as escolas permanecerão abertas para acolher os alunos que necessitem de apoio ou de um local seguro durante esse período. Essa medida visa proporcionar um ambiente protegido e acolhedor para aqueles que precisam, especialmente considerando a importância de manter a segurança e o bem-estar das crianças e jovens da cidade.

Ao longo do dia, diversas cidades do estado adotaram a mesma medida, suspendendo as aulas e liberando os estudantes de suas atividades. Em municípios como Sobradinho e Vera Cruz, localizados no Vale do Rio Pardo, o cancelamento das aulas ocorreu devido aos estragos causados pela queda de granizo durante a madrugada.

Na Região Metropolitana, a cidade de Canoas inicialmente suspendeu as aulas nas escolas municipais de Ensino Fundamental, mas posteriormente alterou sua decisão, mantendo o atendimento em toda a rede. Para a quinta-feira (13), as aulas estarão suspensas pela manhã e serão retomadas à tarde.

A Universidade Federal do Rio Grande do Sul também suspendeu suas atividades a partir das 17h, levando em consideração a segurança dos estudantes e da comunidade acadêmica.

Em Novo Hamburgo, as aulas na rede municipal foram suspensas na quarta-feira e também na quinta-feira, retornando apenas na sexta-feira (14). Já em São Leopoldo, o prefeito Ary Vanazzi anunciou a suspensão das aulas apenas para a quinta-feira (13).

Outras regiões também cancelou as aulas

No Litoral Norte do estado, várias cidades também anunciaram a suspensão das aulas devido às condições climáticas adversas. Entre as cidades afetadas estão Arroio do Sal, Balneário Pinhal, Caraá, Capão da Canoa, Capivari do Sul, Cidreira, Imbé, Itati, Maquiné, Morrinhos do Sul, Mostardas, Osório, Tavares, Terra de Areia, Torres, Tramandaí, Três Cachoeiras, Três Forquilhas e Xangri-lá.

No sul do estado, as redes municipais de Rio Grande e Camaquã decidiram suspender as atividades administrativas e acadêmicas tanto na quarta-feira quanto na quinta-feira, com o intuito de preservar a segurança e o bem-estar de todos os envolvidos.

Medida de segurança

Diante dos alertas da Defesa Civil e das condições climáticas adversas causadas pelo ciclone extratropical, o governador Eduardo Leite e a prefeitura de Porto Alegre tomaram a decisão de suspender as aulas nas escolas estaduais e municipais. Essa medida visa garantir a segurança dos estudantes, professores e funcionários, evitando que enfrentem riscos e dificuldades decorrentes dos possíveis alagamentos e inundações.

É fundamental que as autoridades estejam atentas e tomem medidas preventivas para preservar a integridade da comunidade escolar. Espera-se que, após a normalização das condições climáticas, as aulas sejam retomadas com tranquilidade e que todos possam voltar às atividades educacionais em um ambiente seguro e propício ao aprendizado.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Priscilla Kinast

Priscilla Kinast

Priscilla Kinast é redatora de web sites há cerca de 8 anos, tendo ao todo 15 anos de experiência com produção de conteúdo para a internet. Graduada em Administração de Empresas (Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre), encontrou sua verdadeira paixão na administração de websites.

Devido sua experiência com redação de conteúdo, obteve registro profissional como jornalista pelo Ministério do Trabalho (Registro Profissional: 0020361/RS).

É porto-alegrense raiz, nascida e criada na zona norte da cidade, mas muito apaixonada pela zona sul e pela orla do Guaíba. Ama a cidade e está sempre em busca de trazer mais informações que possam ajudar seus conterrâneos a curtirem mais o que Porto Alegre tem para oferecer!

Artigos: 435

Deixe um comentário

Descubra mais sobre Curtindo Porto Alegre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading