Mudanças na Coleta Automatizada de Lixo em Porto Alegre

A prefeitura anunciou a suspensão temporária do edital para a contratação da empresa responsável pela nova coleta automatizada de lixo em Porto Alegre. A decisão, publicada no Diário Oficial do município, visa ajustar tanto o orçamento quanto o próprio edital. A licitação, lançada em dezembro, teve sua divulgação de propostas inicialmente prevista para 22 de janeiro, sem data definida para a reabertura da disputa.

Coleta Automatizada de Lixo em Porto Alegre e a suspensão do edital

A Diretoria de Licitações e Contratos da Secretaria Municipal de Administração e Patrimônio esclareceu que a suspensão ocorreu para permitir ajustes necessários no orçamento e no edital. O objetivo é otimizar o processo e garantir sua eficácia.

O valor originalmente estipulado para o recolhimento dos resíduos depositados em contêineres era de até R$ 75,82 milhões. Com a revisão do edital, esses valores devem ser alterados. A primeira versão previa a aquisição de 2.750 contêineres metálicos para resíduos orgânicos e 500 de polietileno para lixo seco.

O edital para a Coleta Automatizada de Lixo em Porto Alegre contempla a necessidade de 9 caminhões coletores para lixo orgânico. Desses, sete para operação diária e dois como reserva. Além disso, são requeridos quatro caminhões para o recolhimento de lixo seco, sendo três para uso diário e um como veículo de reserva.

A empresa vencedora terá quatro meses para providenciar pessoal, ferramentas, equipamentos e instalações necessários para a execução dos serviços. O contrato inicial terá duração de dois anos, com a possibilidade de renovação por mais três.

A medida ocorre em meio à proximidade do vencimento do contrato emergencial com a empresa Conesul, que assumiu o recolhimento do lixo orgânico no centro de Porto Alegre e bairros adjacentes após o rompimento com o consórcio Porto Alegre Limpa.

A suspensão do edital para a coleta automatizada de lixo em Porto Alegre representa um esforço da prefeitura em ajustar os detalhes do processo, garantindo sua eficácia e a devida adequação ao orçamento disponível. O desfecho dessa revisão e a subsequente reabertura da disputa serão acompanhados atentamente, uma vez que a coleta automatizada desempenha um papel crucial na gestão eficiente dos resíduos urbanos.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Magdalena Schneider

Magdalena Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.
Natural de Dois Irmãos / RS, sempre quis morar em Porto Alegre, e em 2020 realizou esse desejo. Há três anos vem desbravando a capital gaúcha e compartilhando aqui suas experiências.

Artigos: 1100

Deixe um comentário

Descubra mais sobre Curtindo Porto Alegre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading