Guaiba passa a cota de alerta, e inunda as ilhas

As fortes chuvas que têm assolado o Estado do Rio Grande do Sul desde o último fim de semana intensificarão seus efeitos sobre Porto Alegre nas próximas horas, com previsão de elevação do nível do Guaíba. Esse cenário demanda ações preventivas por parte das autoridades municipais para garantir a segurança da população diante dos riscos de alagamentos e inundações.

Segundo a prefeitura da Capital, o nível do Guaíba chegou aos 2m63cm no início da manhã desta quinta-feira (2), alcançando assim a cota de alerta. Tal situação requer medidas de precaução por parte dos órgãos responsáveis, especialmente o Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae).

Além disso, sendo a cota de alagamento nas ilhas de 2,20 metros, o Guaíba já começa a invadir as Ilhas de Porto Alegre – pois está em 2,18m.

Veja o alerta abaixo:

O Dmae anunciou o início do fechamento de seis comportas entre as avenidas Mauá e Castello Branco como medida preventiva diante da elevação do nível do Guaíba. Essa ação está programada para iniciar às 8h e deve ser concluída até as 12h, podendo se estender até as 14h, visando minimizar os impactos dos possíveis alagamentos.

Alerta Meteorológico

O meteorologista Marcelo Schneider, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), alertou para uma “cheia histórica” nos níveis do Guaíba e do Rio dos Sinos a partir desta quinta-feira, afetando não apenas Porto Alegre, mas também outras cidades da Região Metropolitana e do Vale do Sinos.

Diante do cenário desafiador imposto pelas chuvas intensas e a elevação do nível do Guaíba, as autoridades municipais de Porto Alegre estão em alerta máximo, atuando de forma proativa para garantir a segurança e o bem-estar da população. A colaboração e a prontidão dos órgãos responsáveis e da comunidade são essenciais para enfrentar os desafios trazidos por esse período de adversidades climáticas.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Magdalena Schneider

Magdalena Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.
Natural de Dois Irmãos / RS, sempre quis morar em Porto Alegre, e em 2020 realizou esse desejo. Há três anos vem desbravando a capital gaúcha e compartilhando aqui suas experiências.

Artigos: 981

Descubra mais sobre Curtindo Porto Alegre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading