Pode faltar água em Porto Alegre no Feriadão de Carnaval

Sim, pode faltar água em Porto Alegre. Por isso, o Dmae orienta a população a fazer uso consciente da água e adotar medidas para economizar.

O Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) emitiu um alerta à população: Pode Faltar de água em Porto Alegre. Em suma, o Dmae aponta a possibilidade de desabastecimento ou baixa pressão de água durante o fim de semana. Isso se deve à estiagem e às altas temperaturas previstas. Segundo o órgão, a expectativa é que o abastecimento normalize na terça-feira, com a mudança climática.

Por que pode faltar água em Porto Alegre?

No início da tarde deste sábado, o nível do Lago Guaíba atingiu a marca de 0,40 metros, o que está prejudicando a captação de água na região da Estação de Tratamento Belém Novo. Essa estação é responsável pelo abastecimento dos bairros da Zona Sul, Extremo Sul e parte da Lomba do Pinheiro.

As áreas mais elevadas da cidade, como a região do Morro da Cruz, enfrentam um risco maior de baixa pressão e desabastecimento de água neste sábado. O Dmae está realizando uma operação com caminhões-pipa para injetar água nos reservatórios e manter o nível adequado. Além disso, os caminhões estão abastecendo as caixas d’água dos moradores afetados.

Bairros Afetados

Dentre os bairros que poderão sofrer com a baixa pressão ou desabastecimento de água estão:

  • Agronomia;
  • Vila dos Sargentos;
  • Partenon;
  • Cel. Aparício Borges;
  • Vila São José;
  • Vila Vargas;
  • Aberta dos Morros;
  • Belém Novo;
  • Belém Velho;
  • Boa Vista do Sul;
  • Campo Novo;
  • Cascata;
  • Chapéu do Sol;
  • Espírito Santo;
  • Extrema;
  • Hípica;
  • Ipanema;
  • Lageado;
  • Lomba do Pinheiro;
  • Restinga.

Diante dessa situação, o Dmae orienta a população a fazer uso consciente da água e adotar medidas para economizar o recurso, especialmente nos próximos dias. A colaboração de todos é fundamental para garantir o abastecimento adequado e evitar transtornos durante o período de estiagem.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Magdalena Schneider

Magdalena Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.
Natural de Dois Irmãos / RS, sempre quis morar em Porto Alegre, e em 2020 realizou esse desejo. Há três anos vem desbravando a capital gaúcha e compartilhando aqui suas experiências.

Artigos: 1076

Descubra mais sobre Curtindo Porto Alegre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading