Quase 7 mil pontos seguem sem energia elétrica no RS

Nos últimos dias, o Rio Grande do Sul tem enfrentado desafios significativos devido aos temporais que atingiram o estado na noite de terça-feira (16/1). Os impactos se refletem no fornecimento de água, energia elétrica e telefonia. Neste artigo, vamos explorar a situação atual e as ações em andamento para superar essas adversidades.

Desde a sexta-feira (19/1), o governo gaúcho tem se dedicado a divulgar informações sobre o status do fornecimento de água, energia elétrica e telefonia no estado. As atualizações são feitas três vezes ao dia (8h, 12h e 18h) para energia elétrica e água, abrangendo dados das concessionárias RGE Sul, CEEE Equatorial e Corsan. Além disso, duas vezes ao dia, são divulgadas informações sobre as conexões de telefonia e internet das operadoras Tim, Vivo e Claro.

A Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura desempenha um papel crucial na intermediação com as concessionárias para restabelecer o fornecimento o mais rápido possível. A prioridade é garantir que serviços essenciais, como os de saúde, sejam mantidos mesmo diante dos desafios enfrentados.

Boletins Recentes sobre a falta de energia elétrica

Os boletins mais recentes, divulgados nesta terça-feira (23/1), às 8hrs, destacam o progresso e os desafios ainda presentes:

  • A CEEE Equatorial reportou 1.421 pontos sem energia elétrica em Porto Alegre e Região Metropolitana, correspondendo a 0,07% do total de clientes.
  • A RGE Sul apresentou 5.500 pontos sem energia (0,16% do total de clientes).
  • A Corsan informou que o abastecimento estava normalizado.

No boletim da tarde de segunda-feira (22/1), a CEEE Equatorial enfrentava 7.139 pontos sem energia elétrica (0,37% do total de clientes) em Porto Alegre e Região Metropolitana. Já a RGE Sul registrava 9 mil pontos sem energia (0,3% do total de clientes). A Corsan, no entanto, indicou normalização no abastecimento. Quanto às operadoras de telefonia, Vivo e Claro não tinham municípios sem serviços, enquanto a Tim enfrentava interrupções em 5 municípios.

No boletim da manhã do mesmo dia, a CEEE Equatorial reportou 9.456 pontos sem energia elétrica (0,49% do total de clientes) em Porto Alegre e Região Metropolitana. A RGE Sul apresentou 11 mil pontos sem energia (0,4% do total de clientes), enquanto a Corsan manteve o abastecimento normalizado. As operadoras de telefonia continuaram a enfrentar desafios, com a Tim registrando interrupções em 5 municípios.

No último boletim da noite, a CEEE Equatorial indicou 9.905 pontos sem energia elétrica (0,52% do total de clientes) em Porto Alegre e Região Metropolitana. A RGE Sul apresentou 13 mil pontos sem energia (0,43% do total de clientes), enquanto a Corsan manteve o abastecimento normalizado.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Magdalena Schneider

Magdalena Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.
Natural de Dois Irmãos / RS, sempre quis morar em Porto Alegre, e em 2020 realizou esse desejo. Há três anos vem desbravando a capital gaúcha e compartilhando aqui suas experiências.

Artigos: 981

Deixe um comentário

Descubra mais sobre Curtindo Porto Alegre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading