Porto Alegre vai ganhar novos ônibus elétricos

O investimento na frota de ônibus elétricos é um passo importante para a construção de um futuro mais sustentável para Porto Alegre.

Em um movimento que demonstra o compromisso da cidade com a sustentabilidade e a inovação, Porto Alegre está prestes a receber uma frota de ônibus elétricos em seu sistema de transporte público. A iniciativa, que visa reduzir a emissão de gases poluentes e melhorar a eficiência energética, marca o início de uma nova fase na mobilidade urbana da capital gaúcha.

Por que a aposta em ônibus elétricos?

A escolha por ônibus elétricos representa uma tendência global no transporte público, alinhada com a busca por soluções que combinem sustentabilidade, eficiência energética e redução de custos operacionais a longo prazo. Além disso, a capacidade de transportar até 70 passageiros simultaneamente com zero emissão de gases poluentes coloca Porto Alegre no mapa das cidades que se preocupam com a qualidade do ar e a saúde da população.

Os benefícios

  • Redução da emissão de gases poluentes: Os ônibus elétricos não emitem gases poluentes durante sua operação, o que contribui para a melhora da qualidade do ar na cidade e para a saúde da população.
  • Eficiência energética: Os motores elétricos são mais eficientes do que os motores a combustão interna, o que significa que os ônibus elétricos consomem menos energia para funcionar.
  • Redução de custos operacionais: A longo prazo, os custos operacionais dos ônibus elétricos são menores do que os dos ônibus a combustão interna, devido à menor necessidade de manutenção e ao menor custo do combustível.
  • Melhoria da qualidade de vida: Os ônibus elétricos são mais silenciosos do que os ônibus a combustão interna, o que contribui para a redução da poluição sonora na cidade.

Como serão utilizados os novos ônibus elétricos?

Após um período de testes em uma linha específica da cidade, os 12 ônibus elétricos serão distribuídos em rotas estratégicas, otimizando sua capacidade e autonomia. As linhas foram escolhidas a dedo para garantir que cada veículo possa operar dentro de sua capacidade máxima de bateria, garantindo assim a eficiência da transição para uma frota mais verde.

As linhas 178.1 Praia de Belas elétrica e a Integradora foram as escolhidas para priorizar a utilização dos novos ônibus, otimizando as rotas e a performance dos veículos. A estimativa é que a introdução desses veículos na frota de Porto Alegre possa reduzir cerca de 1.000 toneladas de emissão de gases poluentes por ano.

O investimento na frota de ônibus elétricos é um passo importante para a construção de um futuro mais sustentável para Porto Alegre. A iniciativa demonstra o compromisso da cidade com a qualidade de vida da população e com a proteção do meio ambiente.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Magdalena Schneider

Magdalena Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.
Natural de Dois Irmãos / RS, sempre quis morar em Porto Alegre, e em 2020 realizou esse desejo. Há três anos vem desbravando a capital gaúcha e compartilhando aqui suas experiências.

Artigos: 886

Descubra mais sobre Curtindo PoA

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading