Trensurb fora do PND: Governo garante futuro da empresa como estatal

A retirada da Trensurb do PND garante o futuro da empresa como estatal, assegurando a continuidade de um serviço público essencial.

A Trensurb não será mais privatizada. A empresa foi retirada do Plano Nacional de Desestatização (PND) por decisão do governo federal, anunciada nesta terça-feira (5) pelo diretor-presidente da Trensurb, Fernando Marroni.

A decisão, segundo a Trensurb, demonstra o compromisso do governo federal com a preservação dos serviços públicos e com a visão estratégica de fortalecer a empresa.

“A Trensurb desempenha um papel vital na conectividade e mobilidade da nossa região, e queremos assegurar que continue a fazê-lo com eficiência e acessibilidade para todos os cidadãos”, afirma Marroni.

Trensurb e a sua gestão atuante

A atual gestão da Trensurb, que assumiu em junho de 2023, tem se dedicado a defender o caráter público da empresa. Desde então, a equipe vem trabalhando junto aos parlamentares e partidos políticos para garantir a permanência da Trensurb como estatal.

Em fevereiro, a empresa obteve uma importante vitória com a aprovação de uma resolução pelo Conselho das Cidades, recomendando a retirada da Trensurb e da CBTU do PND.

Com a saída da empresa do PND, os estudos iniciados pelo BNDES sobre a privatização serão redirecionados para avaliar os investimentos necessários para o futuro da Trensurb.

Entre as prioridades estão:

  • Estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental para a expansão da linha até Alvorada;
  • Estudos sobre a integração tarifária com outros sistemas de transporte da região.

RESUMO SOBRE A NÃO PRIVATIZACÃO DA TRENSURB

  • Data da retirada da Trensurb do PND: 5 de março de 2024;
  • Motivo da retirada: Preservação dos serviços públicos e visão estratégica de fortalecer a empresa;
  • Papel da Trensurb: Vital na conectividade e mobilidade da região;
  • Atuação da gestão: Defesa do caráter público da empresa, com foco em investimentos e melhorias.

A retirada da Trensurb do PND garante o futuro da empresa como estatal, assegurando a continuidade de um serviço público essencial para a população da região metropolitana de Porto Alegre. A nova gestão da Trensurb demonstra compromisso com a eficiência, acessibilidade e desenvolvimento da empresa.

Gostou da matéria? Siga a gente no FacebookInstagram e Twitter, e fique por dentro das notícias de porto Alegre.

Magdalena Schneider

Magdalena Schneider

Bacharel em Psicologia pela Faculdade IENH; especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial pela Universidade Estácio de Sá.
Natural de Dois Irmãos / RS, sempre quis morar em Porto Alegre, e em 2020 realizou esse desejo. Há três anos vem desbravando a capital gaúcha e compartilhando aqui suas experiências.

Artigos: 979

Descubra mais sobre Curtindo Porto Alegre

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading